EDITORIAL:

Assisto Setembro se despedir e elevo aos céus minha prece de gratidão por tudo quanto este lindo mês de primavera está deixando em minha lembrança e saudade.

Setembro foi pleno em comemorações e começando pelo Rio de Janeiro (Canal Futura), fui carinhosamente levado pelos amigos queridos da Editora Paulus estive em Porto Alegre (RS), Salvador (BA), Brasília e ainda as inesquecíveis João Pessoa (PB) e Natal (RN).

Esses encontros já seriam plenos em felicidade, mas a eles se acresceram minha participação em Vídeo Conferência do Portal Positivo em Curitiba (PR) e, logo depois, trabalho alegre com a Diocese de Petrópolis em Pau Grande (RJ), Aracruz (ES) e, premiado pela sorte, duas vezes nessa linda e surpreendente Recife (PE) com a turma Sapiens/Fenacom e com a equipe do Sistema Piaget.

 SIMPLES E OBJETIVO

Simples, como devem ser as coisas essenciais e objetivo como se deseja algo fácil de guardar: O ser humano é um criador de significados e nisso se distingue de todas as demais espécies vivas, e de relações que o vincula com outros seres humanos. Criador de significados pela sua capacidade mental e ideias necessárias para explicar e dar sentido a tudo quanto o rodeia e a ele próprio e de relações, pois com sua fragilidade biológica não seria nada se não ajudado pelos outros. Dessa essência nasceu a cultura e formou-se a sociedade e, retornando ao ponto de partida, deu a homem uma condição essencial entre os seres vivos. Nada mais simples e objetivo.

Com igual simplicidade chega-se a criação do sentido de ensino e aprendizagem, e, portanto, da função básica da escola e na mesma de seu ato crucial e definidor ao qual damos o nome de aula. Essas ideias se amarram e não poderia ser diferente. A aula é o ato mágico do ensino e da aprendizagem, a família e a escola os espaços materiais onde a relação social necessita acontecer. Da mesma forma simples e objetiva conclui-se que toda aula deveria induzir a aprendizagem e esta em sua diversidade deveria fomentar as relações humanas. Tem-se, assim, uma verdade que não poderia ser questionada: não se concebe uma aula em que não se cria conceitos e amplia a cultura e essa aula deveria ensinar a se organizar e se relacionar com os outros. 

Com uma pedrada simples e objetiva se aniquila duas pragas da velha e capenga educação brasileira: a aula expositiva e a negação do trabalho em grupo. No momento em que o professor aprende estratégias verdadeiras de trabalho em grupo está sufocando a maldição da aula expositiva. Simples e objetivo. Essas “estratégias verdadeiras” afastam-se do professor expositor e do aluno espectador e traz para o palco o professor desafiador, interrogador, propositor de problema e gerador de conceitos e, ao mesmo tempo, alunos trabalhando em grupo e descobrindo o empreendedorismo criador, a incontável força da comunhão de ideias e na solidificação dos pilares essenciais da cultura e da sociedade. Mas, se é assim tão simples e tão objetivo, porque isso não acontece com a intensidade que deveria acontecer? 

Difícil saber, talvez por essa doença cultural humana de tornar difícil o que é fácil, por essa paranoica mania brasileira de complicar o que é simples e confundir o que precisaria ser objetivo. Por favor, se conhecer outra explicação para tão estapafúrdio retrocesso, forme grupos, tente conceituar o inexplicável.

NOVO TELEFONE
Informamos que a partir de 10/10/08 nosso telefone de contato passará a ser (0XX11) 2211-9629.
AGENDA
Jaboatão dos Guararapes - PE 01/10
São Paulo - SP 01/10
Fortaleza - CE 02/10
Morada Nova - CE 03/10
Rio de Janeiro - RJ 06/10
Rio de Janeiro - RJ 09/10
Brasília - DF 10/10
Vitória - ES 11/10
Osasco - SP 14/10
Capivari - SP 15/10
Itanhaém - SP 16/10
Araçatuba - SP 17/10
Goiânia - GO 18/10
Pesqueira - PE 24/10
Recife - PE 25/10
Ribeirão Preto - SP 27/10
Campo Grande - MS 29/10
Ribeirão Preto - SP31/10
Infelizmente, algumas vezes somos surpreendidos por cancelamento de eventos previamente agendados e que tiraram a oportunidade de aceitação de outros. Por isso a validade da Agenda Mensal é relativa e é sempre interessante uma consulta telefônica para sua confirmação.

A participação em eventos dependerá de contato prévio com a entidade promotora.

Para agendamento de palestras e cursos, esclarecimentos sobre temas, custos e outras providências contactar Fernanda. Fones (11) 2211-9629 / (11) 8162-7406
CONVERSANDO
E APRENDENDO

Não são pequenas as pretensões destas páginas.

 

Mais que apresentar uma síntese da obra de Celso Antunes e publicar a cada mês crônicas e ensaios sobre temas educacionais, pretendem ser fonte permanente de consulta, aberta a críticas e qualquer tipo de sugestões. Use-as para perguntar o que desejar, pois se ignorarmos a resposta, não mediremos esforços para tentar descobri-la, mas use-as também para opinar e propor idéias, apresentar projetos, relatar estudos e pesquisas.

 

Não são estas apenas páginas de um educador, mas veículo aberto a todos que possuem algo a dizer. Reiteramos aqui o que sempre afirmamos. Não sabemos como será o amanhã, sabemos apenas que terá a forma que o educador lhe atribuir.

Celso Antunes
Nº de visitas: 181351