A HORA MÁGICA DO ENSINO DAS REGRAS

Existe algo mais fascinante que observar uma criança de seis a dez anos? Nessa idade, em que não se é mais criança, mas ainda se encontra distante de ser efetivamente adulto, o ser humano ganha aspectos de uma singularidade impar e, se humano não fosse, por certo receberia o aplauso de zoólogos e o estudoRead More…

Leia Mais...