A CRIATIVIDADE É FILHA DA DIVERSIDADE

A escola brasileira, pública ou particular, assassina a criatividade, uma vez que esta perspectiva inteligente abriga dois ingredientes imprescindíveis, sempre ausentes em nossas escolas. O primeiro fator da morte da criatividade advém de um currículo segmentado que impõe limites à expansão do pensamento e a fuga de uma trilha mental subserviente e rotineira. O segundoRead More…

Leia Mais...

O QUE NÃO MUDA?

A primeira impressão que este título desperta é a resposta “nada”. Vivemos tempos fluidos em que nada permanece igual ao que era antes, mesmo que em uma anterioridade próxima. Compare, por exemplo, tudo que se tem ao redor e se refaça a pergunta. Não é complicado perceber que governo, política, profissão, família, religião, valor ético,Read More…

Leia Mais...