DUAS FAMÍLIAS EXEMPLARES

Primeira família: Maria Helena, Reginaldo e Felipe:

– Mamãe! Estou com uma fome de leão. Você prepara um lanche bem gostoso?

– Claro que sim, meu anjo. Não existe alegria maior para a mamãe que o apetite de seu filho querido. Espere dois minutinhos e o lanche mais gostoso do mundo estará à sua frente…

Minutos depois:

– Papai. Eu joguei bola, corri e pulei e agora estou morrendo de sede. Não alcanço o filtro, você pega um copo d’água para mim?

– Mas é claro, meu anjo… Em um minuto o copo de água exterminador de sede estará em suas mãos.

Pais maravilhosos, prestativos, carinhos… Servis.

Segunda família: Cláudia, Gilberto e Marcinha.

– Mamãe! Estou com uma fome de leão. Você prepara um lanche bem gostoso?

– Claro que sim, meu anjo. Não existe alegria maior para a mamãe que o apetite de sua filha querida. Espere cinco minutinhos e o lanche mais gostoso do mundo estará à sua frente… Mas, antes vamos fazer de conta que a mamãe esqueceu como se prepara um lanche. Você me explica:

– Claro mamãe… Primeiro você tem que ter uma mesa e na mesa o pão.

– Ótimo… Façamos de conta que a mesa está bem a nossa frente. E agora?

– Agora você precisa cortar o pão!

– Cortar em rodelas?

– Não mamãe. Cortar de comprido. Entendeu?

– Entendi meu Bem. Mas… E depois?

– Depois mamãe, você pega o queijo na geladeira e põe entre as fatias de pão…

– Mas… Será que cabe? Não vai ficar enorme para sua boca?

– Não mamãe… Não é o queijo inteiro… Você tem que cortar uma fatia! Entendeu?

– Agora entendi. Em dois minutinhos seu belo e gostoso lanche vai estar em suas mãos…

Minutos depois:

– Papai. Eu estava jogando peteca, corri e pulei e agora estou morrendo de sede. Não alcanço o filtro, você pega um copo d’água para mim?

– Com prazer, meu amor… Mas, só dois minutos… Faz de conta que deu um branco na cabeça do papai e eu esqueci como providenciar a água para você! Preciso de sua ajuda…

– Bem papai. É fácil. Primeiro, mamãe, você pega um copo limpo no armário, encosta o copo na torneirinha do filtro e pronto…

– Mas… Mas a torneira está fechada? E agora?

– Agora papai… Abre a torneirinha e quando o copo estiver cheio você fecha e depois me entrega. Não é fácil?

Com sua ajuda ficou mesmo fácil. Estou pegando o copo e em minutinho ele vai acabar com sua sede.

Pais maravilhosos, prestativos, desafiadores, interrogadores. Atendem o filho, não se antes estimular suas mentes, agitar neurônios, provocar sinapses, estimular a linguagem, a compreensão, ajudar as inteligências…

Agora para o cotidiano com as crianças faça a sua escolha: Servidão ou Estimulação? Atender e nada mais ou atender e ajudar, engrandecer, enobrecer.